Praguinha política: o que considerar antes da impressão e distribuição?

praguinha política

A comunicação visual tem um forte impacto nas eleições e é por isso que os materiais de campanha merecem atenção. Entre as diversas opções disponíveis, o adesivo conhecido como praguinha política é um dos que mais se destaca.

Essa é uma alternativa que gruda facilmente em superfícies, como nas roupas, e que é usada para divulgar um candidato com eficiência. O nome tem a ver com a simplicidade com a qual o item gruda e espalha a mensagem.

Na hora de elaborar um projeto desse tipo, é essencial ter atenção a detalhes que farão a diferença na impressão e na distribuição. A seguir, veja quais são os pontos mais importantes sobre o assunto!

Qual a diferença de praguinha política para o pragão?

No mesmo estilo desse adesivo, temos a versão conhecida como pragão. Como o nome já dá indícios, a principal diferença entre eles é o tamanho. O pragão é um pouquinho maior, mas segue uma proposta bem parecida.

Dependendo do caso, a versão praguinha política já pode ser a única escolhida da campanha, por garantir ótimo custo-benefício e por atingir os resultados desejados.

Quais são as dimensões indicadas?

Para a praguinha política, o mais indicado é que o tamanho seja de 5 cm x 5 cm. Esse adesivo, muitas vezes, é circular, então, precisamos considerar um breve desconto das bordas no recorte, para que tudo fique simétrico. O pragão, por sua vez, costuma ter 7 cm x 7 cm.

No entanto, isso deve ser avaliado de acordo com cada campanha e até com a gráfica escolhida para a impressão. Assim, é possível chegar às medidas certas para cada objetivo.

Qual material escolher na impressão?

A principal característica do material tipo praguinha política é a capacidade adesiva. Por isso, é indispensável que o material tenha essa característica, para que haja aderência às superfícies.

Ao mesmo tempo, o componente precisa ser resistente e tem que ser um pouco mais estruturado. Por isso, é comum recorrer a algumas opções, como o vinil e o papel couchê com adesivo.

Para facilitar a impressão e a distribuição, o material deve ser de qualidade e ter as características certas, inclusive em relação à gramatura.

Quais são as cores mais recomendadas?

Quanto às cores, não há limitação em relação às alternativas. Pensando na comunicação visual, é preciso que a paleta escolhida reflita as nuances do partido e da coligação. Em geral, os partidos contam com 1, 2 ou 3 cores e elas podem ser aplicadas na praguinha política sem dificuldades.

A ideia é criar uma peça de comunicação visual de impacto e que gere um reconhecimento rápido. Assim, é possível atingir mais pessoas e fortalecer o alcance da mensagem.

Dependendo do caso, o adesivo pode contar com a foto do candidato, o que adiciona outras cores à produção. O importante é escolher corretamente a conversão do padrão de cores e o modelo de impressão, para garantir fidelidade quanto aos tons.

Quais informações não podem faltar?

A foto do candidato é opcional e varia com cada campanha. No entanto, há outras informações que são essenciais e que devem estar presentes — e com o destaque necessário. A seguir, veja quais são os principais pontos!

Nome

O nome do candidato é essencial para que os eleitores fiquem informados e saibam em quem votar. A apresentação deve ser igual ao nome que aparecerá na urna eletrônica, de modo a evitar dúvidas.

Se a campanha for para um cargo do Poder Executivo (prefeito, governador ou presidente), é necessário incluir o nome do vice, cuja fonte não pode ser menor que 30% da usada para o candidato principal.

Partido e coligação

Também é essencial indicar qual é o partido pelo qual o candidato concorre, usando sua sigla e o logotipo. Assim, é possível atender às regras adequadas da Justiça Eleitoral.

E, por falar em exigências, é fundamental incluir a coligação, caso exista. Em geral, basta apresentar o nome da coligação e os partidos que se uniram em torno da campanha em questão.

Número

É indispensável que o número do candidato esteja correto e seja muito visível no adesivo. Como esse é o número a apertar na urna, não podem restar dúvidas para o eleitorado.

Na hora de elaborar o projeto, é preciso tomar cuidado com fontes que deixem dúvidas sobre o número ou que causem alguma confusão. Também é necessário revisar o numeral para ter certeza de que corresponde ao valor registrado.

CPF ou CNPJ

Da parte de quem solicita o material (partido, coligação, candidato ou pessoa física), é preciso que estejam claras algumas informações, como CNPJ ou CPF. Isso serve para garantir a prestação de contas com a Justiça Eleitoral.

Além disso, é necessário informar o CNPJ da gráfica responsável pela impressão do material. O número deve corresponder ao documento que faz parte da nota fiscal.

Tiragem

Não menos importante, é fundamental apresentar qual é a tiragem, ou seja, a quantidade de praguinhas que foram impressas em um único pedido. Novamente, é uma exigência voltada para a prestação de contas.

Essa informação, assim como o CNPJ e outros detalhes técnicos, pode ser apresentada em fontes menores e discretas. No entanto, tudo precisa ser legível.

Por que contar com uma gráfica especializada?

A elaboração de um projeto eleitoral não depende apenas do arquivo digital, certo? É preciso trazê-lo para o mundo real com qualidade, eficiência e bom custo-benefício. Pensando nisso, o ideal é ter o apoio de uma gráfica especializada.

A empresa contará com todos os recursos, como maquinário, materiais, técnicas de impressão e planejamento. Isso ajuda a garantir a impressão de bons adesivos, dentro da qualidade esperada e no prazo acordado. Principalmente, é algo que auxilia a causar uma boa impressão no contratante, o que pode dar origem a outros trabalhos.

A Gráfica e Editora KWG tem ampla experiência no mercado e é capaz de imprimir materiais de campanha com alta qualidade. Você terá o apoio de uma estrutura robusta e com máxima qualidade, com a entrega de peças com excelentes características. Além disso, oferecemos muita flexibilidade para atendê-lo segundo suas necessidades.

O adesivo praguinha política é uma das opções mais procuradas em campanhas eleitorais, então, é preciso se preparar para revendê-lo. Para isso, conte com um bom projeto e o apoio de uma gráfica de qualidade, assim, será possível alcançar os melhores resultados.

Já que essa parceria faz tanta diferença, entre em contato conosco e veja como podemos ajudar!

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *