Como anunciar no Google Ads? Veja como montar uma campanha do zero

Como anunciar no Google Ads

O Google Ads é um dos recursos mais interessantes para os negócios com presença digital. De forma simples, ele permite criar campanhas patrocinadas, com exibição de resultados em pesquisas de certas palavras-chave ou em páginas específicas. Por isso, saber como anunciar no Google Ads é essencial.

É preciso saber como definir corretamente as características e como gerenciar as campanhas. Entre os benefícios, estão a ampliação de alcance, o reconhecimento de marca e até o aumento de vendas. Trata-se, portanto, de uma solução que ajuda a mandar bem no marketing digital.

Para não ter dúvidas sobre o que fazer, veja, neste artigo, o passo a passo de como montar uma campanha no Google Ads!

Como anunciar no Google Ads

Crie a sua conta na plataforma

O primeiro passo é configurar uma conta para a sua empresa na plataforma do Google Ads. Basta acessar o site e clicar no botão que orienta a iniciar os anúncios. É preciso informar alguns dados do negócio, além de um e-mail que ainda não esteja cadastrado no serviço.

Lembre-se das informações de login, pois são elas que permitirão conferir a plataforma e gerenciar todos os resultados.

Vá para a guia “Campanhas”

As campanhas do Google Ads funcionam como um “guarda-chuva”. Elas contemplam os grupos de anúncios, os quais contêm anúncios individuais e que podem ter diversas palavras-chave.

Então, depois do seu cadastro, é necessário criar a sua primeira campanha. Não se esqueça de dar um nome adequado para melhorar o seu acompanhamento quanto aos resultados. Você também poderá decidir para quais aparelhos deseja anunciar e até se pretende limitar o alcance para certos locais.

Escolha o tipo de campanha a desenvolver

Ainda nessa tela, é fundamental estabelecer o tipo de campanha que você deseja criar. O Google trabalha com diversas alternativas, como campanhas no Google Shopping, em vídeos, na rede display ou na rede de pesquisa — sendo as duas últimas as mais frequentes.

Basicamente, a rede de pesquisa permite criar anúncios que são mostrados na página de resultados, quando alguém busca uma palavra-chave. Já a rede display mostra anúncios e banners do seu negócio em sites parceiros do Google.

Defina o orçamento corretamente

Além de estabelecer outras características, o processo de como montar uma campanha no Google Ads exige uma atenção extra quanto ao orçamento. Para conseguir a palavra-chave, será necessário “competir” com outras empresas, que dão lances. O maior valor, normalmente, ganha a chance de anunciar. Então, é necessário desenvolver uma estratégia de lance.

Você pode defini-la manualmente ou, então, estabelecer um valor máximo, que nunca será ultrapassado para a palavra-chave. Também é possível definir como acontecerá a cobrança — por impressões, por cliques, por conversões e assim por diante.

Ainda é essencial decidir quando a campanha começará e quando terminará, qual será o orçamento diário e qual é o valor total para gastar. Assim, você não corre o risco de pagar um valor maior que o possível para o seu negócio.

Vá para a guia “Grupo de Anúncios”

Em seguida, é preciso criar os seus grupos de anúncios. Para começar, o melhor mesmo é ter apenas um grupo por campanha, pois isso favorece o gerenciamento e a adaptação dos resultados.

O processo é simples e também exige uma identificação adequada para favorecer o seu procedimento de análise. Você pode criar grupos de anúncios para produtos específicos, setores da empresa, ofertas, datas comemorativas ou o que for conveniente.

Siga para a guia “Anúncios”

Chegou a hora de colocar em prática uma das atividades mais importantes na configuração de campanha do Google Ads — a criação do anúncio. Se você tiver escolhido a rede de pesquisa, ele é que será apresentado na página de pesquisa.

Comece buscando palavras-chave que tenham a ver com o negócio e com a página a ser promovida. Também vale adicionar palavras-chave negativas, ou seja, aquelas que devem fazer com que o anúncio não seja mostrado, se estiverem presentes.

Para completar, é preciso acertar na definição de alguns elementos, como:

  • título: deve ter até 35 caracteres e ser chamativo para atrair a atenção;
  • descrição: é um pequeno texto, de até duas linhas, que descreve a oferta ou a página. Vale utilizar uma abordagem de vendas e chamar para a ação;
  • URL: corresponde ao endereço de destino, ao qual o usuário será direcionado ao clicar no anúncio.

Após definir isso, o anúncio passará por uma análise de relevância, que resultará no Índice de Qualidade (IQ). Esse valor será multiplicado pelo lance oferecido, dando origem ao chamado AdRank. Os anúncios com maior valor desse indicador serão exibidos para as palavras-chave, então, é preciso caprichar nessa criação.

Vale a pena criar mais de um anúncio para o mesmo grupo, com algumas mudanças nas características. A intenção é saber o que funciona melhor para cada caso e, assim, otimizar continuamente o uso dessa ferramenta.

Defina a forma de pagamento

O chamado faturamento é o processo de cobrança da plataforma em relação a seus anunciantes. Para saber como montar uma campanha no Google Ads, também é essencial entender como fazer isso.

O procedimento pode ser feito ainda no cadastro ou logo antes de dar início à campanha. O pagamento é feito por boleto, por cartão de crédito ou por cartão de débito. Com os valores devidamente creditados, a campanha tem início de acordo com as suas características definidas.

Copie campanhas e anúncios feitos anteriormente

Para facilitar o trabalho, você também tem a chance de gerenciar múltiplas campanhas e grupos de anúncio. Se uma abordagem tiver dado certo nas últimas semanas, por exemplo, você pode copiar a campanha inteira ou apenas o anúncio.

Basta selecionar, na caixa do canto, quais serão os elementos copiados e como serão nomeados. Depois, adapte as características que forem necessárias, como o orçamento específico ou os lances. Assim, não será preciso criar tudo do zero.

Acompanhe os resultados das campanhas

Começar a rodar uma campanha de Google Ads não representa o fim do gerenciamento desse recurso. Na verdade, é indispensável ficar de olho no desempenho dos anúncios para saber o que tem dado certo.

Além de definir as métricas adequadas para cada objetivo de campanha, é essencial configurar corretamente o Google Analytics. Ele acompanhará os resultados do seu site e permitirá que você tenha uma visão completa do que tem sido obtido.

Saber como anunciar no Google Ads é indispensável para aproveitar uma boa oportunidade digital para os negócios. Com a otimização contínua dos resultados e boas decisões, é possível levar o seu site mais longe.

Você já começou a utilizar essa ferramenta? Tem dúvidas ou dicas sobre o que funciona melhor? Comente e participe!

marketing para designersPowered by Rock Convert

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This