Importância do Inbound Marketing: entenda essa estratégia!

Importância do Inbound Marketing

Inbound Marketing é um conjunto de estratégias com objetivo de atrair e converter clientes de maneira mais orgânica possível. Contrário ao Outbound marketing, o Inbound Marketing tem como base a educação e o relacionamento com o consumidor, utilizando estratégias de atração pelo conteúdo e automação de marketing.

Quando as mudanças no comportamento do consumidor começaram a mostrar sua força, as empresas precisaram buscar estratégias de marketing diferenciadas para conquistar e manter os clientes, que seguem agora mais exigentes e cheios de informações.

Diante desse quadro, uma estratégia despontou como uma das melhores soluções. Sim, estamos falando da importância do Inbound Marketing. Você sabe do que se trata?

Já são milhares de empresas usando o Inbound Marketing e mudando as regras do jogo para melhorar ou recuperar seu posicionamento no mercado com os melhores resultados. É tempo de abrir a cabeça para as novas ideias! Acompanhe esse post e fique por dentro dessa estratégia que promete grandes benefícios para seu negócio!

O que é Inbound Marketing?

Com o fortalecimento da era digital, a publicidade tradicional perdeu um pouco de sua força, e as empresas precisaram se adaptar rapidamente. O plano foi usar as plataformas digitais a seu favor, tomando forma o chamado marketing digital.

O Inbound Marketing é uma eficiente estratégia para se usar no meio digital, que gera receita e relacionamentos usando os vários canais da internet. No cenário atual, a internet não funciona mais como um complemento da publicidade, agora é tida como o “carro chefe” da divulgação e comunicação direta com as pessoas.

Quando falamos de Inbound Marketing, estamos nos referindo a táticas que se moldam totalmente às várias necessidades e desejos dos clientes, propondo uma relação diferenciada entre empresas e consumidores. A ideia principal é conquistar o interesse das pessoas, atraindo-as para o seu conteúdo da maneira mais orgânica possível.

Os clientes de hoje são ativos – dificilmente esperam que a propaganda chegue até eles. A facilidade em encontrar informações sobre o que desejam, na internet, faz com que eles mesmos procurem dados positivos, antes de realizar uma compra. Podemos dizer que “correr atrás dos clientes” é uma estratégia ultrapassada: a ideia agora é criar relacionamentos com eles e manter vínculos duradouros.

Como é o processo?

Desprenda-se daquela imagem de “empurrar” produtos e serviços para o cliente. A proposta aqui é criar um bom nível de autoridade para seu negócio, compartilhando conteúdo relevante por meio de sites, blogs e redes sociais, direcionados a determinado público. Isso vai atrair o consumidor em potencial e estabelecer um relacionamento com ele.

Assim funcionam as quatro fases da metodologia.

Atração

Nessa fase, o cliente ainda não sabe que tem um problema. Por meio de conteúdos gerais que falem sobre o assunto, ele poderá se identificar com determinada situação.

Nutrição

Após entender que tem um problema, o cliente busca maneiras de solucioná-lo. Aí, a empresa pode usar táticas mais aprofundadas, com o uso de conteúdos ricos para mostrar ao cliente suas soluções.

Conversão

Já a par da solução para o problema, é nessa fase que o cliente buscará as melhores empresas para isso. Nessa fase, pode-se apresentar a marca e sugerir ofertas para o encaminhamento do fechamento de uma venda.

Encantamento

Após o negócio ser fechado, é preciso continuar encantando esses clientes, para que o bom relacionamento seja mantido e a fidelização seja alcançada. Dessa forma, os próprios clientes podem se tornar divulgadores da marca, indicando seus produtos/serviços para outros.

Quais são os benefícios do Inbound Marketing?

É preciso compreender o Inbound Marketing como um verdadeiro investimento inicial. A ideia é que a marca se torne referência online. Para isso, os esforços precisam acontecer no início do processo. Estabelecida a relação, o marketing será feito quase que por conta própria. Fascinante, não é mesmo?

Um dos principais benefícios é que o Inbound Marketing tem custos reduzidos, o gasto principal é com a mão de obra, pois nada impede que ele seja desenvolvido com o auxílio de ferramentas gratuitas. Sem falar que o retorno sobre o investimento é altíssimo.

Outro benefício é a segmentação do público. Enquanto a publicidade tradicional atingia a massa, sem qualquer restrição, o Inbound Marketing é mais preciso. Com seu uso adequado, o público ideal é identificado e atraído, ou seja, quem está procurando seus serviços ou produtos, procura por você.

O que é funil de vendas e jornada do cliente?

Podemos atrelar as estratégias do Inbound Marketing ao chamado Funil de Vendas, que divide em etapas a jornada do cliente — desde o momento da oferta até o negócio ser fechado. Podemos dividir as etapas em: atenção, interesse, desejo e ação.

Os conhecimentos gerais podem ser apresentados aos clientes em forma de publicações em blog, por exemplo. Para a fase de interesse, o conteúdo pode ser mais específico: vir em forma de vídeo, tutorial, ou e-book com o conteúdo em questão. Cases de sucesso da empresa podem ser bons “argumentos” para que o desejo do cliente se converta na ação de fechar o negócio.

Com o desenvolvimento dessas estratégias, o “pós-venda” e a “fidelização” foram inseridos no funil, somando-se a ele o conceito de lealdade e a função de “apóstolo” da marca, ou seja, aquele que ajuda a divulgá-la amplamente.

Como mensurar resultados em Inbound Marketing?

Para você acompanhar o impacto das ações promovidas pelo Inbound Marketing, precisa dar atenção a mensuração de resultados. É por meio deles que a empresa consegue identificar os erros e os acertos para aprimorar as campanhas.

É importante ser assertivo, uma vez que, na internet, a concorrência também é grande, certo? O Google Analytics é uma das ferramentas de mensuração mais utilizadas e que pode auxiliar você nessa missão.

Quais são as ferramentas de Inbound Marketing?

O blog da empresa é considerado a “base” do Inbound Marketing, ou seja, a principal ferramenta. É nele que você precisará concentrar suas estratégias de conteúdo, compartilhando artigos, dicas, infográficos e outros tipos de conteúdo que atraiam os visitantes até você.

Outra ferramenta importante são as chamadas “landing pages”, ou páginas de conversão. Elas são responsáveis pela promoção de conteúdos especiais, como os e-books e cursos online. É por meio dela que o usuário se converte em lead.

O e-mail marketing também pode ser apontado como uma das principais ferramentas. Afinal, a maioria das pessoas acessa sua caixa de entrada diariamente. Com o uso apropriado do e-mail, a empresa pode nutrir os usuários com conteúdos segmentados.

E não podemos deixar de citar as redes sociais. É por meio delas que a interação com as pessoas é aumentada e, assim, os usuários prestam mais atenção no que sua empresa pode oferecer.

Todas essas ferramentas podem ser utilizadas com excelência, se você tiver um bom software de CRM atualizado, com todas as informações importantes a respeito do seu público. Assim, todo o conteúdo compartilhado pode ser potencializado.

Como usar as redes sociais para amplificar seu conteúdo?

Tenha em mente uma coisa: uma rede social que não recebe atualizações não gera interesse nas pessoas. Portanto, é preciso atualizar suas mídias para que os usuários as percebam. Ainda assim, não adianta ter um número alto de postagens sem qualidade e que não acrescentam em nada.

Por isso, é fundamental conhecer bem o público-alvo para identificar o que ele mais deseja saber. Só assim sua rede social poderá atrair cliques e visitas. De preferência, marque presença em mais de uma rede social (Twitter, Instagram ou Facebook). Muitas vezes, os usuários têm contas em mais de uma plataforma, e esse investimento faz com que você atinja maior parcela do público.

Entendeu a importância do Inbound Marketing para a sua empresa? Entregue o máximo de conteúdo relevante aos seus visitantes e conquiste um público fiel e confiante nas suas estratégias!

O que achou de saber sobre este assunto? Curta a nossa página no Facebook e fique por dentro de outros artigos como esse!

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This