Quer se preparar para uma vaga de criação? Veja estas 7 dicas!

vaga de criação

Confira 7 dicas incríveis de como se preparar para uma vaga de criação e fazer bonito na entrevista.

A cada dia que passa o mercado de criação vem se fortalecendo e ganhando espaço. As empresas passam a perceber as vantagens e benefícios de investir nessa área, e novas vagas de emprego estão sempre aparecendo. Então que tal aprender como se preparar para uma vaga de criação?

Assim como em todas as profissões, existem algumas etapas básicas que fazem parte desta preparação. Mas para quem pretende atuar com criatividade, alguns cuidados a mais são importantes. 

Continue lendo este artigo para aprender com 7 dicas incríveis o que é preciso lembrar para se preparar da melhor maneira e ingressar em carreiras do design! Vamos lá?

Como se preparar para uma vaga de criação?

Aproveitando o atual aquecimento deste mercado, que tal fazer uma pequena pausa para conhecer nossas dicas e se dedicar ao máximo para atingir suas metas profissionais?

Você vai perceber que para se preparar de uma maneira mais completa para uma vaga de criação, muitas etapas vão depender apenas de seu esforço pessoal. Essa é a hora de arregaçar as mangas e começar o trabalho! 

Acredite, a sua dedicação neste início é a chave para as melhores oportunidades profissionais. Então não percamos mais tempo, veja a seguir as nossas 7 dicas de como se preparar para uma vaga de criação!

1. Prepare um bom portfólio

O portfólio é a junção de seus melhores trabalhos em um só lugar, seja ele impresso ou publicado em sites próprios para esse objetivo. E para quem almeja atuar com criação esta talvez seja a dica mais importante: prepare um portfólio perfeito!

Dedique tempo para esta etapa, faça com cuidado e carinho, pois essa será a primeira coisa que as empresas solicitarão juntamente com o currículo. Não coloque trabalhos que não foram realizados por você — de jeito nenhum —, e caso tenham sido feitos em parceria, deixe isso claro.

Você pode apresentar peças fantasmas — aquelas que você desenvolve sem compromisso — sem problemas, mas procure criar trabalhos reais para enriquecer seu portfólio. Aproveite o início da carreira para oferecer projetos para instituições de caridade e ONGs. Assim, você estará praticando uma boa ação além de melhorando seu trabalho.

2. Crie um currículo de destaque

Para quem pretende trabalhar com criação, o currículo não pode ser apenas aquele conjunto de informações profissionais padronizadas em uma folha A4. Ele é mais uma oportunidade de mostrar o seu talento e precisa ser incrível, pois é o primeiro contato que a empresa terá com o candidato ao cargo.

Conheça bem a empresa para a qual você vai enviá-lo, pois essas informações serão um guia para o desenvolvimento da arte de seu currículo — muitas vezes é válido criar diferentes peças gráficas para se aplicar em vagas de empresas diferentes.

Alguns cuidados básicos precisam ser tomados, como a atenção à escrita para não cometer erros de português — ou de inglês, caso a vaga exija conhecimentos nessa língua —, evitar fazer um currículo com mais de duas páginas, concentrando-se em apresentar apenas as informações mais relevantes, e lembre-se: nunca minta! Pode parecer bobagem, mas inventar informações pode causar grandes problemas no futuro, então evite.

3. Procure vagas em sites específicos

Fique atento em sites de empregos para encontrar uma oportunidade. Para os profissionais de criação, uma boa chance de estar sempre atuando é encontrar bons freelas, então é interessante ficar de olho em alguns sites específicos — como o Contratado.me, o 99Freelas, o Trampos.co, o Workana e o Crew.co.

Também é legal acompanhar as páginas online das empresas nas quais você tenha interesse em trabalhar, pois muitas já possuem um espaço dedicado à divulgação de novas vagas de trabalho.

4. Mantenha uma presença online

As redes sociais estão ocupando grande parte das vidas da maioria das pessoas que conhecemos, já percebeu? E esse tipo de relacionamento se estende para os setores profissionais, uma vez que diversas empresas vêm preferindo buscar novos funcionários por meio de serviços online.

Atualmente existem sites específicos para aproximar as empresas de pessoas interessadas em trabalhar, nos quais são divulgadas as informações profissionais relevantes — hoje, o com maior presença no mercado é o LinkedIn.

Para os criativos, o Behance é uma excelente vitrine virtual, onde os projetos podem ser publicados e ficam armazenados como em um portfólio online. E outra opção interessante é criar um blog ou canal no YouTube para divulgar seus trabalhos e estabelecer uma forma de contato direto com o público. Então mantenha-se sempre com certa presença online. Isso com certeza ajudará você a ser notado.

5. Monte sua identidade visual

Assim como as empresas investem em suas imagens para conquistar clientes, um profissional de criação tem a obrigação de apresentar uma boa identidade visual própria. Afinal, se você tem o interesse de trabalhar com criação, nada melhor do que mostrar para o mercado que consegue fazer esse trabalho com excelência — crie seu logotipo e personalize cartões de visita com a sua marca!

6. Lembre-se de desenvolver o networking

Manter uma presença constante nas redes sociais já é um ótimo começo para desenvolver seu networking. Conhecer novas pessoas que atuem em sua área de interesse acaba abrindo portas para oportunidades, então não tenha vergonha de solicitar a amizade do diretor de arte daquela empresa na qual você sonha em trabalhar.

Mas não fique restrito ao contato virtual! Para formar uma rede de contatos incrível, dedique-se também a participar de grandes eventos, convenções, exposições e palestras. Nesses lugares você terá a possibilidade de conhecer muita gente legal, sejam profissionais ou empresários de áreas do design e afins.

7. Invista em cursos online

Além de tudo o que já foi dito anteriormente, para conquistar uma boa vaga de criação e conseguir permanecer e crescer neste mercado é preciso estar sempre se atualizando.

Por esse motivo é indispensável planejar investimentos em cursos — e os online estão aí exatamente para facilitar a vida de quem trabalha e não tem muito tempo livre, então aproveite!

Agora ficou bem mais fácil se preparar para uma vaga de criação, não é mesmo? Caso tenha gostado deste artigo e queira continuar acompanhando nossos conteúdos, assine a newsletter e saiba quando novos textos forem postados!

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This