Computador para designers: descubra qual a melhor opção

Computador para designers

Profissionais de criação precisam investir bastante em uma das suas principais ferramentas de trabalho: o computador. Isso porque os softwares de edição de imagem costumam ser “pesados” e necessitam de máquinas com uma boa configuração, a fim de que operem de forma satisfatória e eficiente. O contrário, no entanto, pode atrapalhar, e muito, a vida dos designers, comprometendo qualidade, execução e prazo de entrega dos projetos. Mas, qual seria a melhor opção de computador para designers?

Entenda quais são os componentes que devem ser levados em consideração e bem analisados antes de adquirir uma máquina como ferramenta de trabalho. E saiba quais são as melhores opções do mercado a partir da leitura deste post!

Que componentes levar em consideração na escolha de um bom computador para designers?

Sabemos que toda máquina é composta de diferentes peças e configurações, certo? Para que o trabalho do designer seja devidamente favorecido, atente para as dicas a seguir e não erre na escolha do seu computador.

Placa-mãe

Sem uma placa-mãe, não é possível montar um bom computador. Pode-se dizer que esse componente é a base de tudo. Ela precisa ser robusta e dar suporte aos demais elementos, sendo compatível com o processador e a memória. Caso contrário, ela pode queimar.

Quem trabalha com produção gráfica em 3D pode investir em uma placa-mãe que suporte duas placas de vídeo (idênticas). É um recurso que favorece o trabalho também dos desenvolvedores de jogos.

Processador

Um dos componentes que mais gera dúvidas em relação ao desempenho. Para quem trabalha com vídeos, 3D ou mesmo edição de som, vale dizer que é um processador de alta qualidade que garante uma renderização mais eficiente.

Para os designers que trabalham com edição de imagens estáticas, o bom processador serve para acelerar o tempo da aplicação de efeitos. Já quem trabalha com web necessita de um bom processador para a virtualização dos projetos.

É interessante escolher o processador entre as marcas Intel e AMD, ficando atento a algumas características que vão além de somente o nome comercial:

  • clock ou a velocidade do processador: o mínimo para quem trabalha com projetos gráficos deve ser 2,6 GHz;
  • core ou núcleos: visto que uma maior quantidade de núcleos pode deixar o computador mais rápido;
  • memória cache: que representa a quantidade de informação a ser processada por vez (é interessante considerar processadores a partir de 4 MB para quem trabalha com impressos).

Memória RAM

A chamada memória RAM é a responsável por guardar as informações em execução no momento, o que pode significar maior performance para o computador. Ou seja, quanto mais memória RAM tiver o seu computador, mais softwares (mesmo os mais pesados) podem ficar abertos simultaneamente sem comprometer o seu trabalho.

Quem trabalha com revistas e livros, por exemplo, deve investir em um computador com no mínimo 8 GB. Quem trabalha executando processos de virtualização e edição de vídeos já precisa de uma maior quantidade de memória RAM, por volta dos 16 GB.

Placa de vídeo

É a placa de vídeo que proporciona uma melhor imagem. APU e GPU são as duas opções de placa de vídeo do mercado hoje em dia. O processamento em vídeo compartilhado com o processador da máquina é chamado de APU. Esse tipo de placa de vídeo não é considerado um processador de vídeo “dedicado”, ou seja, com tanta performance. Ele também não usa parte da memória RAM.

Já o GPU é o processador de vídeo dedicado, com processo e memória próprios. Sua performance é superior. Isso também quer dizer que se trata de uma peça mais cara e que também esquenta mais, dois fatores que podem pesar na sua escolha na hora de adquirir uma máquina para trabalhar. O fato de a peça esquentar mais significa que a ventoinha pode fazer muito barulho na hora em que o computador precisar executar processos com alta performance.

Quais as melhores opções do mercado?

Para poupar um pouco o seu tempo de procura, listamos alguns dos melhores computadores que podem ser encontrados atualmente no mercado. Assim, você poderá fazer comparações entre os modelos e diferentes desempenhos e vantagens para você. Veja a seguir!

Desktop Mac Pro

A linha da Mac costuma ser a favorita entre os designers. A Apple garante que essa máquina facilita o trabalho dos profissionais em design e que o novo modelo é quase duas vezes mais rápido que o Mac Pro anterior.

Seu processador garante acesso mais rápido aos arquivos armazenados na memória, um recurso que economiza bastante tempo para os designers enquanto executam seus projetos.

MacBook Pro Laptop

O MacBook Pro Laptop tem gráficos de alto desempenho, faz edição gráfica com clareza e facilidade e pode ser encontrado com telas de 13, 15 e 17 polegadas. Na versão de 17 polegadas, a bateria tem longa duração e pode chegar até a 8 horas de funcionamento. O processador é Intel® Core™ i5.

Dell Studio XPS

Com processadores i5 e i7 Intel® Core™ e base de 3 GB de memória, será possível realizar a criação de vetores em programas como o Illustrator e também fazer a edição de fotos com extrema facilidade. A placa gráfica tem alta definição e pode criar gráficos livres de falhas e muito mais precisos.

É melhor investir em um laptop ou em um computador desktop?

Outra dúvida bastante comum quando se trata de um computador para designers é a respeito da compra de um laptop ou desktop. Qual a melhor opção para os designers? Alguns pontos precisam ser analisados para justificar a melhor escolha.

Identifique a sua necessidade

O primeiro ponto é identificar qual seria a principal função de uso da máquina. Leve em conta a necessidade de mobilidade ou não. Nesse caso, quem precisa se locomover com o computador pode considerar a opção de ter um laptop (ou notebook), garantindo essa praticidade.

Entenda se vale a pena montar o equipamento

Quem pretende montar uma máquina adquirindo os componentes em separado terá larga vantagem em escolher um desktop. Afinal, é possível realizar upgrades na máquina, e o valor total ainda sairá mais baixo do que adquirir um laptop de alta performance.

O custo é um ponto importante a se observar. Isso porque um computador de baixo custo pode comprometer a vida útil do equipamento, ou seja, provavelmente será necessário fazer um upgrade em menos tempo.

Para ajudar no desempenho do seu computador, é importante realizar a limpeza da máquina periodicamente, eliminando tudo o que não for mais necessário. Um bom computador para designers dependerá das suas melhores escolhas!

Agora que você já descobriu qual o melhor computador para designers, é hora de sair em busca do seu. Adquira uma boa ferramenta e potencialize seus trabalhos!

Gostou de saber mais sobre computador para designers? O que acha de continuar se informando e conhecer quais os filmes que todo designer deve assistir?

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This