produtividade

8 dicas de produtividade e organização para quem é autônomo

Se você chegou a este artigo, provavelmente estava parado em frente ao computador sem saber como iniciar mais uma tarefa. Caso essa não seja sua situação atual, pelo menos uma vez na vida já enfrentou o grande vilão dos profissionais autônomos: a falta de produtividade.

Esse é um problema que se agrava quando o deadline está chegando. Em momentos de pressão, muitas pessoas não conseguem desenvolver um trabalho e acabam perdendo clientes por não conseguir cumprir os seus prazos.

Pensando nisso, resolvemos lhe ajudar para que você aprenda como organizar a sua rotina. Conheça abaixo diversas dicas de produtividade que separamos neste artigo.  

Preparado? Vamos lá!

1. Saia do seu mundo

Quando um profissional freelancer opta por trabalhar no conforto do lar, muitas vezes fica acomodado. Executa as mesmas tarefas, não sai do seu ambiente de trabalho e busca a todo momento produzir cada vez mais conteúdos.

Caso você se identifique com a rotina mencionada acima, pare imediatamente o que está fazendo agora e preste atenção neste conselho: uma pessoa só produzirá bons conteúdos se entrar em contato com outros ambientes, conhecer novas pessoas e mergulhar em novas experiências.

Dessa forma você terá uma boa bagagem cultural para inovar, aumentar a produtividade e construir materiais de qualidade para o seu cliente.

Aqui, não existe uma regra: você pode ir a museus, estudar alguma língua estrangeira ou até assistir ao jogo de futebol do seu time do coração. O que importa é viver novas experiências e sempre aprender algo novo.

Quem sabe por meio dessas vivências você não encontra bons exemplos para incluir em suas obras? Melhorar a produtividade e a organização pode ser muito prazeroso, pense nisso!

2. Desapegue do medo de errar

Atire a primeira pedra o freelancer que nunca enviou uma peça gráfica com uma cor diferente da que o cliente pediu ou entregou um texto sem formatação! Esses tipos de erros são clássicos em nossa área, portanto desapegue!

Essa não será a primeira e nem a última vez que você enviará um material com um pequeno defeito. Portanto, não seja perfeccionista demais. Caso contrário, a sua produtividade será afetada, aumentando o risco em relação aos prazos.

Para solucionar esse problema, não invente muita coisa. Cumpra o que foi pedido no pitch e finalize o seu conteúdo. Se o cliente reprovar, tenha jogo de cintura e busque resolver o seu problema mais rápido possível.  

3. Relaxe!

A melhor parte do trabalho como freelancer é poder descansar durante o dia ou dormir após o almoço.

Mas nem todos sabem aproveitar esse benefício. A ansiedade para executar várias tarefas ao mesmo tempo acaba prejudicando o momento de descanso.

E qual é o perigo contido nesse hábito?

Quando você não tem uma boa noite sono, a sua capacidade cognitiva fica prejudicada. Trabalhar até de madrugada ou se esquecer do descanso aos fins de semana é um erro que os bons profissionais jamais podem cometer.

Com a mente ocupada e cansada, você não terá boas inspirações para desenvolver o seu trabalho.

Portanto, assim que terminar de ler este texto, pare e descanse. A mudança de postura é visível, pois, com o corpo tranquilo, você terá novas ideais para aplicar nos projetos.

4. Não deixe a procrastinação te dominar  

Quando um profissional autônomo não consegue desenvolver suas tarefas, ele fica estressado, reclama com os parentes que moram em sua residência e até batem a cabeça no teclado.

Não passe por essa situação.

Se aquela ideia brilhante insistir em não aparecer, produza da forma que for possível. Caso contrário, a procrastinação só prejudicará a situação.

Concordamos que a criatividade é fator primordial na produção dos seus conteúdos, mas também é preciso entregar uma tarefa dentro do prazo e dos padrões de qualidade.

Ao produzir os conteúdos você perceberá que, aos poucos, as ideias surgem e seus clientes ficarão bastante satisfeitos com o resultado.

5. Faça um bom planejamento

Não adianta produzir muitos conteúdos se você evitar um bom planejamento. Ele é essencial para deixar sua rotina de trabalho mais tranquila e organizada.

Confira abaixo como fazer um planejamento das suas tarefas com facilidade:

  • Analise o seu dia: ao desenvolver o seu planejamento, pense nas coisas que você terá que fazer ao longo da semana. Confira quanto tempo terá disponível para desenvolver novas peças e deixe um espaço reservado para imprevistos. Eles acontecem e não podem prejudicar a sua rotina.
  • Defina prioridades: geralmente, quando temos muitos projetos para entregar, ficamos perdidos para escolher qual é mais importante. Então, seja sensato ao pegar novas tarefas, pois o tempo poderá ser curto demais para produzi-los. Quando você não cumpre com o prazo, perde a fidelização dos clientes e prejudica a sua imagem no mercado de trabalho.
  • Trabalhe com metas. Mesmo que você não goste de trabalhar sob pressão, adote esse recurso. Com ele, é possível identificar qual é quantidade de tarefas que você consegue produzir. Ao bater metas, aumente o volume do trabalho para descobrir em qual momento será possível avançar para uma nova etapa.

6. Organize o seu escritório

A organização do escritório não pode ser esquecida nas dicas de produtividade. Portanto, lembre-se sempre de organizar os papéis da sua mesa, limpar o chão, ler os e-mails da caixa de entrada, organizar seus livros e materiais. Muita gente não sabe o quanto a organização do espaço  afeta a produtividade.

7. Inspire-se em filmes e livros

Para desenvolver bons conteúdos, é fundamental ter boas inspirações. Fique atento aos novos lançamentos de livros e filmes.

Talvez, em uma cena, você consiga encontrar ideias para produzir materiais épicos. Veja alguns exemplos de como o blog Escreva para Web aplicou este recurso de inspiração nos seguintes clássicos: Divertida mente, X men.

Se você não é muito ligado em filmes, não tem problema. Você pode encontrar boas inspirações com o seu grupo musical favorito. Por exemplo, a banda É o Tchan inspirou o blog Escreva para Web a escrever um texto para a web! No mínimo você deve estar pensando: “É o Tchan? Como assim?”. Sim! É verdade! Você pode conferir o artigo aqui: Como o É o Tchan me ensinou a escrever para a web!

8. Aplique a técnica Pomodoro

Você conhece a técnica Pomodoro? Ela foi criada pelo italiano Francesco Cirillo. Possui esse nome porque o criador utilizou um cronômetro de cozinha, em formato de tomate, para controlar o seu tempo.

Desde 1980, a técnica é bastante conhecida. O italiano acredita que, quando dividimos fluxos de trabalho em blocos, a nossa produtividade aumenta assim como nosso foco. Cada bloco é denominado de Pomodoro.  Seu criador consegue executar cada etapa em 25 minutos. Incrível, não? Ficou curioso?

Veja abaixo como aplicar a técnica no seu dia a dia.

  1. Liste as tarefas que ainda não foram concluídas
  2. Use um cronômetro para programar o tempo limite da tarefa para vinte minutos. Pode-se utilizar o despertador para celular, todavia é obrigatório que o timer seja em formato de tomate.
  3. Defina uma tarefa e execute-as sem interrupção. Deixe o celular de lado, desligue a TV e saia do Facebook.
  4. Descanse por cinco minutos quando o tempo se esgotar. Durante esse período, faça alongamentos, caminhe em sua casa, converse com seus parentes ou amigo. Ou seja: relaxe.
  5. Lembre-se de riscar a tarefa assim que ela for concluída.
  6. Volte ao trabalho e aplique a técnica por mais 25 minutos
  7. Faça uma pausa de 30 minutos quando finalizar quatro “pomodoros”.

Execute esse procedimento diariamente. Inicie o processo desenvolvendo uma lista com todos os trabalhos que precisa terminar ao longo do dia. Essa prática o ajudará a manter seu foco.

Em seguida, escreva qual foi a quantidade de pomodoros que você precisou para concluir todas as tarefas da sua lista. Assim, você terá dados precisos sobre a sua produtividade.

O charme da pomodoro é que, como o passar do tempo, você descobrirá quanto tempo necessita para cada bloco. Isso é muito importante, pois permite conhecer o período gasto em cada tarefa.  

Depois de conhecer os segredos para organizar suas tarefas como autônomo, sugerimos que você pratique diariamente, afinal, a melhor forma de melhorar a sua produtividade é praticando.

Então, se você conhece outra técnica ou quer ensinar aos nossos leitores como desenvolver seu trabalho de outra forma, aproveite a oportunidade e compartilhe as suas dicas de produtividade nos comentários abaixo!

 

 

Marketing para designers freelancers

Comments (8)

  1. Muito Bom,
    venho tentando trabalhar da melhor forma possível para um bom andamento dos serviços executados, mais é sempre bom novas informações, Muito Obrigado!

    1. Com certeza André, aprender novas técnicas e compartilhar conhecimentos, são sempre bem-vindos à nossa carreira, não é verdade? Ficamos muito felizes que este artigo tenha agregado para você. Um grande abraço e continue nos acompanhando, sempre traremos conteúdos para ajudar você a crescer cada vez mais! Sucesso 😉

  2. Obrigado! Li todo artigo. É muito bom para os profissionais que trabalham em homeoffice. Muito boas as dicas. Valeu!

    1. Ei, Renato! Ficamos muito felizes com o seu feedback. De fato, essas dicas são excelentes para profissionais autônomos!
      Continue nos acompanhando que sempre traremos conteúdos instrutivos como este.

      Um grande abraço 😉
      Att. Equipe KWG

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This