Entenda como anda o mercado gráfico em 2018

mercado gráfico em 2018

Para que qualquer negócio sobreviva em um cenário competitivo e mutante, é preciso acompanhar minuciosamente o que acontece em seu setor de atuação. Com o mercado gráfico isso não é diferente. A demanda por serviços impressos e gráficos continua alta, uma vez que sua eficácia para divulgar produtos e serviços também permanece estável.

Mas isso não basta para que uma empresa se mantenha firme. Pelo contrário, manter o mesmo padrão pode até mesmo prejudicar rendimentos. Se acomodar não é válido: o segredo é não cair no pessimismo mesmo diante de momentos mais críticos na economia e continuar na busca por novas oportunidades e caminhos.

O setor apresenta inúmeras possibilidades para tanto, desde que haja disposição para alcançá-las. E quem não deseja se destacar, justamente, por fazer melhor e diferente?

Se este é o seu caso, não deixe de ler este artigo e se informar sobre como anda o mercado gráfico em 2018. As informações preciosas citadas logo abaixo, podem abrir novas portas e trazer muito sucesso para sua empresa. Confira!

Como era a atuação do setor gráfico há alguns anos?

Há cerca de três anos, o setor gráfico apresentou fortes quedas. A chegada da era digital causou grandes impactos e demandou muitas adaptações por parte de agências e gráficas. Esse processo assustou muita gente, pois a sensação foi de que os materiais gráficos entravam em uma fase de desuso.

Para completar, o cenário econômico ruim desestimulou muitos investimentos na área. A recuperação foi lenta, mas aos poucos o ânimo foi recuperado. Mas isso só aconteceu porque a necessidade de atualização foi rapidamente identificada. Afinal, é impossível conquistar e manter o público com técnicas obsoletas, não é mesmo?

A partir disso, novos equipamentos e materiais começaram a ser utilizados. E, é claro, recursos digitais começaram a ser implementados em processos para acompanhar toda essa evolução tecnológica. Hoje, muitas empresas atendem os clientes através de serviços online e ganham mais agilidade em seu trabalho, sem contar a economia significativa de gastos.

Quais são os desafios e as perspectivas de crescimento do mercado gráfico em 2018?

Após esse período conturbado, as perspectivas de crescimento do mercado gráfico em 2018 são muito positivas. Agora, muitos profissionais, inclusive liberais, começam a se recuperar e a requisitar serviços gráficos para divulgar seus negócios.

Assim, a estimativa é que o setor se recupere em até 12% durante o ano. Mas, para isso, alguns desafios precisam ser superados. O primeiro deles é em relação à gestão de equipes e dos negócios. Isso significa cuidar com mais atenção da administração financeira, dos processos de produção e do posicionamento de mercado.

Planejamento e treinamento são outros itens essenciais para otimizar o trabalho. As máquinas são importantes, mas nem sempre funcionam bem e sozinhas e ter um pessoal preparado para suprir essas lacunas é muito importante para a produtividade de uma empresa gráfica. Até porque seu foco de atuação, além da qualidade dos serviços prestados, é também obter lucro, concorda?

Outra necessidade identificada é a de incorporar novos serviços e acompanhar tendências de mercado. Uma delas, que tem ganhado destaque, é “pensar fora da caixa” para desenvolver um bom design de uma peça.

Ou seja, é inovar e sair do comum, sem perder a essência das marcas e sem ignorar sua comunicação visual. Parece complicado, mas é justamente esse esforço que permitirá que as empresas do setor alavanquem de vez neste ano tão promissor.

Por fim, destaca-se também a importância de acompanhar as etapas de atendimento ao cliente. O nível de exigência está cada vez maior e colher feedbacks é essencial para identificar pontos de falha e investir em melhorias. O resultado disso é um produto final de qualidade superior e a preferência geral do público pelos seus serviços.

O que fazer para se manter sempre atualizado?

Uma das melhores maneiras de se manter atualizado a respeito do mercado gráfico é participar de feiras e eventos voltados para o setor. Por lá, é muito mais fácil conferir novidades e conhecer o trabalho dos principais fornecedores gráficos do Brasil e do mundo. Para completar, são nessas ocasiões que os preços caem e que você tem até mesmo a chance de divulgar o seu próprio trabalho.

Então, se você procura uma brecha para adquirir novos equipamentos e máquinas, não existe mais desculpa. Aqui estão dois eventos sensacionais que você deve participar não somente em 2018, mas sempre que for possível.

Serigrafia SIGN Future TEXTIL

A Serigrafia Sign Future TEXTIL é o maior evento de serigrafia e comunicação visual do setor. Todo ano, ele apresenta inovações e tendências de mercado não somente para impressos, mas também para o mercado de impressão digital têxtil e de sinalização digital.

O evento reúne cerca de 650 marcas expositoras e recebe, aproximadamente, 38.000 visitantes por edição. Máquinas, equipamentos, produtos e serviços serigráficos são lançados e comercializados na ocasião, que se torna imperdível para quem realmente quer se atualizar e fazer bons investimentos.

ExpoPrint Digital

Quer facilitar sua adaptação ao mundo digital e incluir sua gráfica neste universo? Então, a melhor opção é participar da ExpoPrint Digital. Ela abrange variados segmentos da impressão digital, como transpromo, dados variáveis, mala direta, impressão sob demanda, baixas e altas tiragens, outsourcing, web-to-print, impressões 3D, soluções de acabamento para o setor gráfico e softwares.

A ExpoPrint Digital é considerada a melhor feira de impressão digital e o público visitante tem perfil qualificado e investidor. Ou seja, é outra excelente oportunidade de fechar bons negócios e entender do que a sua empresa realmente precisa no momento. Essa feira acontece de dois em dois anos, e a próxima está marcada para 2019. Caso queira que a sua empresa participe é importante começar com as negociações bem cedo, pois desta maneira, você teria mais tempo para pagar. Está ai uma aposta para o mercado gráfico em 2018.

Fazer parte de toda essa realidade não é tarefa fácil. Sendo assim, pode ser interessante também procurar pela ajuda de uma empresa especializada na área. Com a orientação correta, incorporar tendências e avaliar quais são as melhores perspectivas para o seu negócio fica mais simples e você perde menos tempo em todo esse processo.

De fato, o mercado gráfico em 2018 promete! E você acaba de conhecer os meios para fazer um bom proveito deste período, de modo a evitar transtornos e sustentar sempre uma atuação bastante inteligente no setor. Falta apenas mais um detalhe importante: descobrir as principais áreas de crescimento do segmento gráfico. Depois disso, boa sorte e ótimas vendas!

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This