ferramentas para designers

7 ferramentas para agilizar o dia a dia do designer

Saber usufruir da tecnologia e suas ferramentas inovadoras é extremamente importante para o design gráfico. Afinal, essa é uma realidade que se consagra cada dia mais e permite uma agilidade nunca vista nessa área de atuação.

Assim, o dia a dia agitado aliado à complexidade dos projetos dos designers pode ser auxiliado por essas ferramentas. Elas se tornaram essenciais para a organização das tarefas, gerenciamento de arquivos, busca de imagens e vetores na rede, entre outras ações na rotina de todo profissional gráfico.

Neste post, reunimos 7 conjuntos de ferramentas mais usadas na web que ajudam imensamente a otimizar o tempo e garantir um trabalho de alta qualidade para designers e clientes. Confira!

1. Bancos de imagens e vetores

Os bancos de imagens e vetores são recursos indispensáveis para quem trabalha com layouts, campanhas publicitárias e todo tipo de peça de design gráfico. Muitos deles mantêm um acervo de fotografias gratuitas e livres de royalties que você pode usar à vontade.

A maioria dessas plataformas oferece fotos de alta qualidade gráfica e artística. Confira algumas delas e mãos à obra:

Para quem prefere expandir suas opções de escolha de imagens e vetores, é conveniente fazer uma visita nos sites mais conhecidos e especializados, que oferecem pacotes com planos de pagamentos variados, como:

2. Gerenciadores de arquivos em nuvem

Hoje, uma das formas mais seguras e práticas de se fazer um backup de arquivos e liberar espaço no seu computador pessoal é manter uma conta nos gerenciadores de arquivos em servidores online.

É mais um acessório de trabalho útil para designers, podendo ser utilizado gratuitamente. Inclusive, se o usuário aderir aos planos de pagamentos oferecidos, terá um significativo acréscimo no espaço de armazenamento. Se você ainda não conhece, experimente alguns que indicamos a seguir:

3. Plataformas para transferência de arquivos

Muitos arquivos gerados nos projetos acabam se tornando pesados, mesmo quando compactados. Assim, enviar para aprovação do cliente via e-mail ou WhatsApp torna-se uma missão impossível.

Para solucionar esse impasse existem algumas plataformas que facilitam (e muito) essa transferência. Cada uma com suas particularidades, formas gratuitas e pagas a partir de um determinado tamanho de arquivo. Confira algumas das mais usadas:

4. Conversores de arquivos

Essas ferramentas são excelentes aliadas quando não dispomos de versões dos softwares usados pelos clientes. Com elas, bastam alguns cliques e teremos acesso a todo o conteúdo para edição.

Experimente alguns desses conversores disponíveis online:

  • Smallpdf: converte PDF para diversos outros arquivos, além de separar ou unir páginas e reduzir o tamanho do arquivo em PDF;
  • Filespazz: converte arquivos CorelDraw em outros formatos;
  • Office-Converter: é bastante completo, uma vez que converte e descompacta arquivos de vários tipos e formatos;
  • Nitro: converte PDF em outros arquivos.
  • Compress PNG: reduz significativamente o peso de arquivos em PNG. Ideal utilizar antes de postar imagens em banners ou blogs posts.

5. Plataformas para captura de cores

Ficou em dúvida sobre qual paleta de cores é mais indicada para um projeto? Algumas plataformas de captura de cores oferecem inúmeras opções de combinações perfeitas de forma fácil e ágil. Confira:

6. Gerenciadores de tarefas e finanças

Nesses programas, você poderá gerenciar melhor sua rotina de trabalho e finanças, compartilhando com todos os envolvidos. É ótimo para acompanhar o progresso dos projetos e a agenda estipulada.

Sugerimos os seguintes gerenciadores:

  • Trello: organizador de tarefas com opção de compartilhamento em equipe;
  • Asana: gerenciador de tarefas;
  • Zero Paper: gerenciador financeiro projetado especialmente para profissionais autônomos. Disponível em versão aplicativo e desktop;
  • Mobillis: gerenciador financeiro.

7. Ferramentas para comparação de tipografia

São sites que disponibilizam o teste e combinação de fontes, bem como a identificação de um tipo que você capturou em algum layout. Alguns exemplos:

Com a evolução da tecnologia, a vida profissional dos designers sofreu uma revolução. As ferramentas inovadoras aqui listadas são essenciais ao design gráfico no gerenciamento das tarefas diárias, bem como no processo criativo como um todo.

E então, você já usa alguma das ferramentas citadas nesse post? Gostou dessas dicas? Compartilhe com seus amigos nas redes sociais!

Comments (2)

    1. Ei, Thiago!!! Tudo joia?
      Hummm, verdade!!! Esse site é super bacana mesmo! Ele é excelente porque mostra uma visualização muito rápida das fontes que temos instaladas! Excelente comentário! Em breve atualizaremos o artigo do blog com a sua indicação.

      Um grande abraço 😉
      E continue nos acompanhando.

      Att. Equipe KWG

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This